rdb_designgrades_header

“Design Atrás das Grades”

O que têm em comum a mala La.Ga, Caracas e o Estabelecimento Prisional de Tires?

O documentário “Design Atrás das Grades” de Margarida Leitão reúne a história de quatro mulheres que têm em comum o Estabelecimento Prisional de Tires, o estúdio de costura do mesmo estabelecimento e a mala La.Ga. Este documentário foi apresentado pela primeira vez em 2011 na RTP 2, nasceu para um formato televisivo e recentemente foi alargado ao grande ecrã. Um olhar intimista, rodado entre a prisão de Tires e a cidade de Caracas, que ganhou o Prémio de Melhor Filme Transfrontera do Festival Extrema Doc, em Cáceres e foi seleccionado para a secção Women in Film do 28º Chicago Latino Film Festival.

Este documentário arrancou quando a realizadora Margarida Leitão teve conhecimento de uma mala, a La.Ga, produzida em Tires por três reclusas; Yau, uma chinesa desintegrada que tenta aprender português e encontra neste projeto uma forma de adaptação, Iracy, uma brasileira que passa o tempo entre a costura e os livros e que acaba por revelar: “Nos livros me sinto livre” e Vicky, uma romena que sente imensas saudades dos filhos, aos quais tenta esconder a realidade em que vive.

Paralelamente ao enfoque da história destas três reclusas conhecemos uma quarta, de origem Venezuelana, que trabalhou também para a produção da mala La.Ga no mesmo estabelecimento. Uma ex-reclusa a viver em Caracas, vem testemunhar em que é que este projeto a beneficiou após a prisão. Afirma que com o dinheiro que recebeu na produção das malas acabou por comprar uma máquina de costura para dedicar-se agora à criação das suas próprias peças de roupa, afirmando-se como um caso de sucesso.

A realidade apresentada neste documentário vem contrariar a velha ideia da prisão como uma fábrica de criminosos, favorecendo a possibilidade de um olhar futuro diferente.

É sem dúvida um projeto com grande potencial na reinserção social, apresentando também um carácter sustentável, quando se verifica a ligação entre dois mundos distantes: o design e a prisão.

A mala La.Ga de sucesso mundial, do Designer Jorge Moita, é fabricada através de layouts gráficos, em edições limitadas, com certificado de autenticidade, numeradas e assinadas por cada criador, suporta uma carga de 50 kg, mas sobretudo suporta o tédio em que estas jovens entre quatro paredes se encontram, aproveitando o tempo de clausura na aprendizagem das diversas técnicas de costura.

 

 

A RDB agradece ao Centro Cultural da Malaposta a oportunidade de assistir ao filme.



Também poderás gostar


There are no comments

Add yours

Pin It on Pinterest

Share This