rdb_indie13lisbontalks

IndieLisboa’13 – reflectir e construir o cinema nas LisbonTalks

xxx

A formação e a discussão dos diferentes processos que envolvem a produção de cinema são os grandes objectivos das LisbonTalks Universidade Lusófona. O IndieLisboa organiza uma agenda de actividades que dão oportunidade aos espectadores e participantes de descobrirem novas perspectivas de produção, de ficarem a conhecer as várias etapas inerentes à produção, rodagem, montagem e exibição e de realizarem um filme. De 18 a 26 de Abril na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, no Hotel Florida e na Sala Montepio do Cinema São Jorge, as LisbonTalks serão um espaço aberto de aprendizagem e discussão. A desconstrução deste processo de criação para cinema será feita através de um seminário, um workshop, das diversas conversas, apresentações e debates.

O programa arranca já no dia 18 com o workshop de realização dirigido por Filipa Reis e João Miller Guerra (vencedores da competição nacional de curtas metragens do IndieLisboa em 2012), que culmina na realização de uma curta metragem de 5 minutos, de género livre. A 21 de Abril acontece o seminário Cinema em Portugal – e se os apoios públicos não existissem?, uma conversa orientada por Paulo Viveiros, sobre a produção, formação, distribuição e exibição.

Os debates têm início no dia 22 de Abril com o tema A Fotografia no Cinema, uma conversa sobre a importância do trabalho do director de fotografia. No dia seguinte, 23 de Abril, falar-se-á da Individualidade da Representação com João Canijo e Anabela Moreira e no dia 24, no debate Recortar Histórias, com João Braz, discute-se a influência do processo de montagem no resultado final de um filme. No dia 25 de Abril, o tema incide nas Novas Tecnologias do Cinema e, a fechar o ciclo no dia 26, Francisco Valente modera o debate sobre o cinema português O Efeito Tabu – Desafios para o Futuro no e do Cinema Português.

 

Agenda LisbonTalks Universidade Lusófona

 

. 2ªF 22 Abril | 18h30 | Cinema São Jorge, sala Montepio

A Fotografia no Cinema O espaço do director de fotografia na criação de uma linguagem estética. A arte e a técnica em fusão.
. 3ªF 23 Abril | 18h30 | Cinema São Jorge, sala Montepio

A Individualidade da Representação com João Canijo e Anabela Moreira “O significado de uma palavra é o seu uso na linguagem”. Wittgenstein

 

. 4ªF 24 Abril | 18h30 | Cinema São Jorge, sala Montepio

Recortar Histórias, com João Braz “A montagem como a última versão do argumento de um filme. O papel da montagem no processo criativo do filme. Como a montagem interpreta o argumento, confronta as expectativas e os resultados da rodagem”. João Braz

 

. 5ªF 25 Abril | 18h30 | Cinema São Jorge, sala Montepio

As Novas Tecnologias do Cinema A revolução dos novos formatos é a matéria para se analisar o impacto das novas tecnologias. Que vantagens se somam e que limitações se apresentam?

 

. 6ªF 26 Abril | 18h30 | Cinema São Jorge, sala Montepio

O Efeito Tabu – Desafios para o Futuro no e do Cinema Português ”Tabu foi indiscutivelmente o filme português de maior sucesso em 2012. A terceira longa-metragem de Miguel Gomes não só olhava para outros territórios dentro do seu filme (a África e o seu imaginário) como também o fez na sua distribuição internacional, circulando um pouco por todo o mundo. Que portas se abriram para a maneira de fazer cinema, hoje, com uma obra que olhava para o passado; que novos territórios vêem hoje, no cinema português, uma fonte criativa de riqueza única?” Moderador: Francisco Valente

 

Seminário

Cinema em Portugal – e se os apoios públicos não existissem?

Produção, formação, distribuição e exibição

Dom 21 Abril | 9h30 às 18h00 | Hotel Florida

Inscrições a decorrer em talks@indielisboa.com Candidatura: nome e morada completos, CV, BI e NIF. Preço: 35€ / Descontos: 20% Estudantes e 10% Acreditados

“Discutir o cinema em Portugal em plena crise de forma produtiva e criativa e ver aqui uma oportunidade de mudar algumas regras e mentalidades.” Orientador: Paulo Viveiros

Painel 1: Produção – Pretende-se neste painel analisar situações de produção como o crowdfunding e o product placement e como preservar uma produção independente que não caia na ditadura do gosto do grande público e do mundo empresarial num Estado sem serviço público.

Painel 2: Formação – Como cativar uma geração com uma visão cada vez mais limitada do cinema (porque vê os filmes no computador ou na tv, e está moldada por Hollywood), e como explorar a sua competência técnica para a produção de imagens que se afastaram da sua dimensão mais tradicional? Que novos modelos pedagógicos utilizar ao encontro destas novas configurações(salvando a honra do cinema), e que não pressionem para um objectivo condenado à partida (to pull not to push)?

Painel 3: Distribuição e exibição – Os objectivos do financiamento privado condicionam o formato e a distribuição dos filmes? Quais as potencialidades da distribuição directa ao consumidor? Como distribuir filmes fora dos lugares habituais (salas comerciais)?

 

Workshop de realização

De 18 a 23 de Abril | Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias

Dirigido por Filipa Reis e João Miller Guerra

Participação gratuita mediante candidatura. Inscrições a decorrer em talks@indielisboa.com

O objectivo primordial, para além da componente de formação, é a realização de uma curta-metragem de 5 minutos, de género livre, em dupla. Desenvolve-se em três etapas: formação, rodagem e montagem. O workshop têm limite máximo de 8 participantes. Os candidatos seleccionados serão anunciados a 15 de Abril.

 

Outras acções

. Lançamento DVD – 10 curtas metragens portuguesas – Fnac IndieLisboa 19 Abril, 6ª feira na Sala Montepio do Cinema São Jorge / 18h00

. Cocktail e Encontro de Produtores 21 Abril, Domingo no Ritz Clube / 20h00

. Conferência de Imprensa – Vende-se Filmes 23 Abril, 3ª Feira na Sala Montepio do Cinema São Jorge / 15h00

 

Programa completo do IndieLisboa’13 em http://www.indielisboa.com/downloads/JORNAL_1.pdf

 

 



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This