O IndieLisboa vai ao Teatro Viriato

De 24 a 26 de Novembro, o Teatro Viriato apresenta um programa IndieLisboa, constituído por filmes que passaram pelo festival e uma masterclass com o realizador Pedro Sena Nunes. No primeiro dia, 24 de Novembro, a programação inclui as longas metragens Leroy de Armin Völckers que será exibida às 15h00 numa sessão dirigida a grupos escolares (m/12 anos) e Black Dynamite de Scott Sanders (21h30, m/16 anos). O primeiro conta-nos a história de Leroy, um jovem negro que terá de lidar com os irmãos skinhead da sua namorada. A sessão da noite trará uma comédia de acção extravagante, que joga com todos os clichés dos filmes e séries de televisão dos anos 70, satirizando a blaxploitation.

O documentário Há Tourada na Aldeia de Pedro Sena Nunes retrata a tradição da Capeia Arraiana, um acto de bravura e emancipação, em que trinta homens enfrentam o touro com um forcão, competindo para levar para a sua aldeia a “Melhor Capeia do Ano” (25 de Novembro, 21h30).

O programa encerra com uma apresentação de curtas metragens, dia 26 de Novembro às 21h30 (m/16 anos) que inclui os filmes Cão Inútil de Ken Wardrop, O Meu Nome É de Stéphane Elmadjian, Os Melhores Vão Primeiro (A União Faz a Força) de Hans Petter Moland, Padrões 3 de Jamie Travis e Alice e Eu de Micha Wald.

No dia 26 Novembro, das 15h00 às 18h00, realiza-se a masterclass Gesticulações Entre Cinema Documental e Ficcional orientada por Pedro Sena Nunes e cujo objectivo é abordar o cinema sem fronteiras de género e reflectir sobre os efeitos desta arte na vida.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This