7-rapariga-no-fim-do-dia-de-escola-em-jingning

Retrato de Viagens

Vasco Reis Ruivo não viaja sem máquina fotográfica.

O gosto pela fotografia começou como um hobbie e depressa se revelou mais significante, à medida que registava as experiências das suas viagens.  Nos momentos que capta, procura a melhor imagem para descrever uma memória do que viveu e das sensações que guarda. Neste caso, as emoções de pessoas comuns que vivem em culturas diferentes.

É através de viagens por países como a Islândia, Noruega e Sri Lanka, que Vasco dá forma às suas criações. Inspirado no trabalho de fotógrafos como Vivian Maier e Henri Cartier-Bresson, tenta criar a realidade como a vê  e a sua própria realidade, através dos retratos que fotografa. No último ano viajou até à China e à Índia, cujos cenários do quotidiano mereceram o seu registo fotográfico.

É estudante de Cinema, Vídeo e Comunicação Multimédia na Universidade Lusófona de Lisboa e foi  um dos vencedores do prémio Melhor Documentário no Over&Out 2016 com um documentário inspirado na realidade da província de Zhejiang, em Jingning, depois de uma visita à China. Este documentário foi também premiado com um Golden Lenses Award pela Association for International Comunication of Chinese Culture. Como realizador, já viu os seus trabalhos serem selecionados para festivais como o Fantasporto, o Shortcutz Lisboa, o FEST e ainda o Carthage Film Festival, na Tunísia.

Estas e outras fotografias podem ainda ser vistas em https://www.flickr.com/photos/vascoruivo/ e https://www.youtube.com/user/vascoruivo

 



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This