rdb_startup_header

Startup Pirates @ Lisboa

“Be Brave, be Crazy, be a pirate!” – um convite a todos os que querem navegar na aprendizagem de criação, valorização e afirmação das suas ideias.

Ahoy

Se tens ideias de negócio que gostarias de colocar em prática e o teu espírito empreendedor está na tabela do mais infinito, mas há algo que está em falta, então esta pode ser uma óptima solução!

Já ouviste falar do Startup Pirate? Depois do sucesso deste evento na cidade do Porto, este “barco pirata” vai ancorar nas margens do Rio Tejo, em Lisboa, na semana de 4 a 11 de Fevereiro. Este evento designa-se a proporcionar a todos os participantes a grandiosa oportunidade de lançar e reunir ideias e, em conjunto, trabalhá-las com diferentes ferramentas de modo a desenvolvê-las.

O objectivo principal é captar e receber as ideias dos diversos participantes e atraí-las para longe da sua zona de conforto, para que possam pensar de forma globalizante, ou melhor, outside the box. A formação dada pela equipa do Startup Pirates quer apenas ser um incentivo para fomentar o empreendorismo e a criatividade, dois elementos fundamentais na sociedade de mercado.

O ambiente promete ser o mais informal possível e a criatividade estará sempre à espreita. Ao longo de uma semana, os participantes nesta aventura vão navegar nos workshops de criatividade, teambuilding, plano de negócios, marketing estratégico, design thinking, pitch, entre outros, com vista a desenvolver um plano coerente, que termina com apresentações dos projectos das várias equipas perante um júri. Os melhores ganham prémios de incubação. Este evento é oriundo de Portugal e está a ser “exportado” para outros países, tendo como parceiros a Beta-i e o Instituto Superior Técnico.

E são vários os nomes de renome que vão capitanear estes workshops. Para motivar os tripulantes, podem contar com a palestra de Ricardo Diniz, Vasco Gaspar, André Ribeirinho e José Pedro Cobra.

Outra das vantagens ao participar nesta aventura é a troca de experiências que ocorrem ao longo deste convívio. Todo o programa é estruturado de modo a que, de forma coordenanda e bem humorada, haja uma forte interacção entre os participantes. Quem sabe, se durante a hora de almoço, não vais constituir uma parceria com alguma empresa ou ser co-fundador de algum projecto totalmente inovador?

Portanto, se todos os dias a vida te desafia a efectuar uma mudança radical, quer seja interior, quer seja em termos profissionais, o desafio está lançado. Já Steve Jobs dizia: “Why join the navy if you can be a Pirate?”.

As inscrições têm como data limite o dia 20 de Janeiro e as candidaturas estão limitadas aos 30 melhores piratas! Smartly! Para mais informações, consulta o site lisboa.startuppirates.org



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This