um gesto que não passa de uma ameaça

Os bailarinos e coreógrafos Sofia Dias e Vítor Roriz procuram, com esta peça, uma aproximação ao método caótico segundo o qual a nossa mente funciona. Palavras que se repetem insistentemente e que depois esmorecem e perdem significado; movimentos que se colam às palavras e que, ora são ilustrativos, ora são absurdos; sons que se assemelham a palavras, e palavras que acabam por ser meros sons – é assim “Um gesto que não passa de uma ameaça”.

BOXNOVA CCB
2 julho, Sábado, 19h, Sala de ensaio – 5€



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This