rdb_dsectionmag_header

Dsection Magazine

Qualidade, diferença e simplicidade, são os três adjectivos que melhor definem a publicação de moda masculina, na voz dos editores da Dsection Magazine.

A publicação que tem como público-alvo o universo masculino opta por usar argumentos diferentes dos comuns das publicações tipicamente masculinas. “Nós (Paulo Meixedo e Filipe Fangueiro) acreditamos que uma revista de moda masculina não é uma revista com produções ousadas no feminino.”

Os editores trabalham para alcançar a tão desejada inovação, mas Filipe Fangueiro, editor da publicação, afirma que “no mercado internacional o nosso objectivo é marcar pela diferença já que a concorrência é grande. Creio que temos conseguido ambos.”

A Dsection surgiu como projecto em Janeiro de 2011 e materializou-se num website em Março de 2011. Tudo começou pela falta de uma plataforma em Portugal que falasse e publicasse conteúdos de moda só para homens. “A ideia de uma edição em papel surgiu em Maio de 2011 quando conhecemos Nicola Formichetti, director artístico de Lady Gaga e director criativo da Thierry Mugler, em Paris. A partir desse dia, e com ele a impulsionar o nosso projecto, a revista materializou-se em Setembro, onde esgotou em Nova Iorque em apenas dois dias”.

A publicação portuguesa tem visto o seu sucesso crescer no mercado internacional.

“Exportamos a maioria da nossa tiragem para outros países, agarrando um público consumidor de moda masculina. Primamos por uma publicação que não serve apenas para consumo rápido. Tentamos criar objectos de colecção. Seja pela qualidade do papel e impressão, como pelos conteúdos (quase) intemporais. Esse é o nosso ponto mais forte.”

“THE LOVERS ISSUES”, é o tema da terceira edição da Dsection Magazine. A publicação dedicada inteira e exclusivamente ao universo masculino, não terá uma, mas sim duas capas. Esta terceira edição traz uma novidade, desta vez a publicação terá duas capas diferentes. Engane-se quem achou que a escolha do tema se prende com a data amorosa que se aproxima. “A escolha do tema em nada tem a ver com o dia de São Valentim (risos). Simplesmente optámos por este tema porque o que toda a gente procura é Amor. Temos de ser apaixonados por tudo aquilo que fazemos. Temos de ser lovers (amantes) das nossas áreas: música, arte, cultura, moda. A paixão e o amor têm de estar em tudo aquilo que fazemos. É um tema que, apesar de parecer cliché, tem muito por onde explorar.”

Mark Cox e Sebastian Sauvé são os protagonistas escolhidos para uma das capas da publicação. O modelo holandês e o modelo norte-americano, fotografados por Jacqueline & Aline Tappia, foram os escolhidos para ilustrar o tema “The Lovers Issues”. A escolha destes dois manequins para figurarem na capa não foi uma escolha inocente e o editor da publicação partilha um aspecto curioso. “O mais caricato de tudo isto é que, apesar de sermos uma revista masculina, 20% dos nossos compradores são mulheres. Optámos por fazer uma capa com dois manequins internacionais para ‘agradecer’ ao nosso público feminino. As duas capas estarão na mesma edição, com a capa masculina como principal e a feminina como contracapa.”

A fashion story que ilustra a capa estende-se por 16 páginas no interior da publicação e conta com looks FULL PRADA. A juntar a tudo isto, a edição conta ainda com seis editoriais de moda (um deles fotografado por Mariano Vivanco) e uma entrevista ao modelo Inglês David Gandy. As novas colecções para a próxima estação merecem destaque nesta edição e vários dos artigos são sobre as novas tendências Primavera/Verão 2012.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This