rdb_artigo_artesempartes

Artes Por Partes

Uma rua diversa.

Localizada numa das artérias mais antigas da cidade Invicta, entre a rua de Cedofeita, o Museu Nacional Soares dos Reis e os Jardins e o Palácio de Cristal, a rua Miguel Bombarda tem vindo progressivamente a consolidar uma imagem de marca associada ao mundo das artes, em especial nos últimos dois anos, altura em que começou a haver um esforço de concertação das inaugurações, com um conjunto de actividades de animação de rua.

Contudo, para além das galerias de arte – a Miguel Bombarda tornou-se popularmente conhecida como a “rua das galerias” devido à existência de cerca de treze galerias de arte, na esmagadora maioria dedicadas à arte contemporânea – este é também um dos principais pólos de comércio dito alternativo.

De facto, à semelhança do que aconteceu noutros bairros de artistas noutras cidades europeias, também aqui o comércio de arte conseguiu atrair lojas, bastante próximas da noção clássica de comércio tradicional no sentido da proximidade do cliente, não necessariamente das tipologias de produtos disponíveis.

O Centro Comercial Bombarda (nº 285) e o Edifício Artes Em Partes (nº 457) constituem dois dos mais singulares espaços comerciais de Miguel Bombarda que, assumindo-se como “centros comerciais”, isto é, locais de concentração de lojistas, recusam assumir-se como shopping centers. Tratam-se de lojas de móveis usados (restaurados a rigor ou recuperados e readaptados), de artesanato urbano (nas múltiplas acepções do termo), de fotografia de autor, ilustração e decoração, lojas de discos e revistas (usados ou em primeira mão), ourivesaria de autor, produtos biológicos, em cânhamo, entre tantos outros produtos.

Há mais de dez anos (6 de Novembro de 1998), bem antes do hype das galerias, o Espaço Artes Em Partes foi inaugurado, ocupando uma moradia de quadro pisos do início do século passado e o seu jardim – no qual se localiza, desde sempre, o salão de chá “Rota do Chá”, conhecido pela  enorme variedade de mais de uma centena de aromas. Inicialmente, assumiu uma vocação claramente artística que lentamente se dissipou, dando lugar aos espaços comerciais alternativos, restando apenas “In.Tansit”, projecto comissariado por Paulo Mendes. Ao longo dos anos, registaram-se inúmeras mudanças de lojistas e dos espaços em que os mesmos se encontram. Alguns mantiveram-se ao longo dos tempos, fidelizando clientes – a “Matéria Prima” e a “Musak” são duas lojas de discos e não só, onde facilmente se perde a noção da horas.

Comenta-se nas ruas que o projecto estará a prestes a viver uma nova fase e que a reformulação prevista irá providenciar profundas mudanças para o Artes Em Partes. Mais do que um espaço comercial, é hoje uma referência obrigatória no Porto, percurssor de uma tendência que lentamente se vai tornando quase uma moda: agregar num mesmo espaço um conjunto seleccionado de pequenas lojas alternativas, lado a lado com propostas mais ou menos artísticas; veja-se, por exemplo, o espaço Era Uma Vez, no Passeio Alegre ou o Bazaar.

Mais recente, o CCBombarda foi inaugurado em Maio 2007 e baseia-se na mesma filosofia que esteve na base do Artes Em Partes. Artur Mendanha –  proprietário de uma loja de mobiliário vintage que já se localizava em Miguel Bombarda – e Marina Costa, responsável pela criação e gestão do Artes Em Partes, tomaram a iniciativa de reabilitar uma galeria comercial que se encontrava há anos desocupada, aproveitando a recente dinâmica da “rua das artes” para potenciar o surgimento de novos espaços comerciais de autor.

Albergando mais de 15 lojas, a amplitude espacial do CCBombarda, que, para além de uma esplanada, dispõe ainda de um pátio interior repleto de bonsais da “Arbolo Bonsai”, permite-lhe uma grande polivalência e versatibilidade. De facto, para além dos espaços esplanada (interior e exterior), assiste-se ainda frequentemente à realização de pequenas intervenções plásticas, exposições de peças escultóricas, à realização de concertos, performances e dj sets, bem como ao tão concorrido serviço de catering em dias de inauguração.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This