rdb_artigo_josefrade

Sentido Portátil

Uma adaptação de “História Abreviada da Literatura Portátil” de Enrique Vila-Matas. Encenação de Carla Bolito. A peça esteve em cena no CCB nos dias 21, 23 e 24 de Fevereiro.

Shandys, odradeks, artistas portáteis, sociedades secretas, livros portáteis, palavras que são chaves, viagens que são vitais.

Tudo começa numa conferência com um orador interpretado por Diogo Bento – uma apresentação sobre os sentidos das palavras, uma viagem num bosque de mensagens, ideias, códigos, senhas, contra-senhas, palavras-chave, palavras-passe, anagramas, charadas e todo um infinito lógico, ou não, de um universo de palavras e ideias.

O cenário está desdobrado em formas empacotadas como módulos de ilusionismo e as personagens vão e vêm inesperadamente.

As viagens continuam, juntamente com as palavras, e navegamos num enorme Planisfério cenográfico entre festas e suicídios onde se ilustra a ideia da portabilidade das ideias, histórias, viagens e do amor. Todas estas viagens são marcadas iconograficamente pela referência a várias personalidades shandys ou dadas como Geórgia O’Keeffe sensualmente interpretada por Rita Calçada Bastos, o suicídio de Jacques Rigaud interpretado por Tiago Mateus, as sombras do odradek de Duchamp em forma de soldados mínimos às centenas, e muitos outros.

É um espectáculo iconográfico que reflecte o desejo pela miniatura, a necessidade de compactar e condensar, uma paixão partilhada por Umberto Eco ou até mesmo Becket onde Carla Bolito também se inspirou na sua intensa pesquisa.

Tudo acaba ironicamente numa máquina de pesar livros desenhada por Walter Benjamin que permite detectar com precisão quais as obras literárias insuportáveis e, por isso, intransportáveis.

Um espectáculo que apresenta as diferentes versões dos factos e acontecimentos que marcaram o percurso dos shandys, entre a conferência e o espectáculo, que se pode transportar facilmente numa boîte-en-valise teatral.

Fotografia por José Frade



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This