Rufus Wainwright apresenta Prima Donna | 27 e 28 de novembro | Gulbenkian Música

O cantautor Rufus Wainwright estreia em Portugal Prima Donna, Um concerto visual sinfónico, adaptação da ópera estreada em 2009 no Festival Internacional de Manchester, agora com a participação dos artistas visuais Cindy Sherman e Francesco Vezolli. Rufus Wainwright inspirou-se numa série de entrevistas dadas por Maria Callas ao canal de televisão BBC para criar a ópera Prima Donna, que aborda a questão das “divas” enquanto figuras mitológicas da nossa sociedade: interpretada pela soprano Sarah Fox, a protagonista Régine luta pelo seu regresso aos palcos e pela reconquista da fama que tinha outrora alcançado.

Seis anos após a estreia da ópera, Rufus Wainwright apresenta uma versão adaptada da mesma para um concerto visual sinfónico, com um ingrediente especial: a projeção de um filme realizado por Francesco Vezzoli e protagonizado por Cindy Sherman, uma encomenda da Fundação Calouste Gulbenkian, Festival de Atenas e LA Opera.

Vezzoli apresenta nesta curta-metragem uma série de retratos de Maria Callas, alterados pelo próprio, seguida por Cindy Sherman que surge no papel de uma diva em transformação, a acompanhar a ária final do concerto, Les feux d’artifice, interpretada pela protagonista Régine. Rufus Wainwright, Francesco Vezzoli e Cindy Sherman são três dos mais relevantes artistas contemporâneos nas áreas da música e das artes visuais.

O filme é exibido na primeira parte do concerto visual sinfónico, que tem a duração de 60 minutos e retoma a estrutura original da ópera Prima Donna, enquanto que, na segunda parte, Rufus Wainwright sobe ao palco para apresentar recriações orquestrais de algumas das suas músicas mais conhecidas e alguns temas do reportório operático.

Como afirmou Rufus Wainwright, “musicalmente este concerto é a celebração de três coisas: as minhas composições para ópera – uma habilidade que ando a afinar há muitos anos, desde que me tornei fanático pela ópera aos 13 anos – unida à minha paixão pela voz humana na sua elasticidade e poder (seja na ópera seja na música pop) e por fim ao meu fascínio por cantar e compor para uma orquestra sinfónica.”

A Deustche Grammophon lançou, em setembro deste ano, o álbum com a versão integral da ópera Prima Donna. Depois das apresentações no Grande Auditório da Gulbenkian, a 27 e 28 de Novembro, o concerto visual sinfónico estreará no Festival de Hong-Kong a 1 de março de 2016.

Sexta, 27 e sábado 28 de novembro 2015, 21:00h

Grande Auditório

“PRIMA DONNA”

RUFUS WAINWRIGHT

ORQUESTRA GULBENKIAN

JOANA CARNEIRO maestrina

FRANCESCO VEZZOLI realizador

CINDY SHERMAN atriz

SARAH FOX soprano (Régine)

KATHRYN GUTHRIE soprano (Marie)

ANTONIO FIGUEROA tenor (André)



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This