rdb_htcvelocity4g_header2

HTC Velocity LTE

Valerá a pena comprar um telefone 4G? Conheçam o primeiro smartphone 4G a ser comercializado na Europa. Exclusivo Vodafone

É impossível ignorar os milhões de euros que as operadoras de telecomunicações têm investido na promoção da “fibra móvel” com “velocidades até 100Mb”. Com o exagero natural e esperado em qualquer campanha, não deixa de ser verdade que as operadoras portuguesas conseguiram estar na linha da frente em relação à denominada 4G. Sendo uma tecnologia recente, é natural que a cobertura não seja a ideal e a estabilidade da ligação não seja perfeita. O primeiro smartphone 4G comercializado na Europa é um exclusivo Vodafone (489€ em Vodafone.pt). Tivemos oportunidade de experimentar o HTC Velocity LTE e a conclusão é simples: depois de viver com 4G, esta característica deixou de ser um nice to have para ser um must have.

HARDWARE & SOFTWARE

Sem dúvida que a principal característica deste smartphone é o 4G, contudo, o HTC Velocity LTE não deixa de ser um fantástico dispositivo Android. Com um processador Dual-core 1.5 GHz Scorpion, 1GB RAM e um ecrã Super LCD de 4,5 polegadas, a experiência de utilização é fluída, as aplicações carregam rapidamente, a reprodução de vídeo é excelente e a câmara, com 8 MP, é provavelmente a melhor que tivemos oportunidade de experimentar num dispositivo Android.

Embora o Velocity 4G venha de “origem” com a versão 2.3.7 do Android como sistema operativo, o mesmo deverá ser brevemente actualizado para 4.0. A versão 3.5 do HTC Sense (launcher default dos dispositivos Android da HTC) é bastante interessante (bem melhor que o TouchWiz da Samsung) e permite desfrutar de todas as funcionalidades do telefone de uma forma mais intuitiva. O telefone é facilmente customizável (como em quase todos os Android), existindo um conjunto de widgets HTC pré-instalados e que, seja feita justiça, são realmente bons (nomeadamente as “Notícias”).

O número e qualidade das aplicações disponíveis na Google Play (o antigo Android Market) aproxima-se cada vez mais da App Store (em iOS). Dito isto, é importante referir que, sendo uma plataforma completamente “aberta”, as aplicações não seguem as mesmas guidelines, o que poderá tornar a experiência de utilização um pouco mais confusa para utilizadores menos experientes.

Um dos aspectos mais negativos deste HTC é o design. Para além de ter um aspecto “plástico”, não é muito apelativo. Para muitos consumidores, o facto de ser branco (a única versão actualmente disponível pela Vodafone) poderá ser um factor de “exclusão”. O som (volume e qualidade) deixa também muito a desejar. Este aspecto é surpreendente visto a HTC estar a potenciar em muitos outros dispositivos a tecnologia “Beats Audio”.

O telefone tem 16 GB de memória e suporte para cartões SD até 32GB.

ALTA VELOCIDADE

Tal como já foi referido, a principal característica deste dispositivo é a possibilidade de utilização da rede Vodafone 4G que está em implementação. Para que seja possível tirar partido da rede é necessário um novo cartão SIM que é facultado pela operadora. O telefone funciona com um cartão “normal” mas apenas transfere dados em 3G.

Embora esteja ainda numa fase muito embrionária, a rede 4G da Vodafone já se encontra disponível em praticamente toda a cidade de Lisboa. Efectuámos testes no Parque das Nações, Saldanha, Avenida da Liberdade, Sete Rios, Entrecampos, Alcântara e Belém. Embora existente, o maior problema que identificámos está relacionado com a estabilidade. Isto é, mesmo em locais com 4G, o sinal perdia-se e regressávamos a HDPA+ ou 3G. Este facto não é surpreendente e deverá ser melhorado nos próximos meses (durante o período de experiência notámos melhorias).

 

Embora o termo “4G” esteja a ser utilizado globalmente, ainda não existe uma definição universal. A melhor descrição possível será: “a quarta e mais recente geração de comunicação de dados por redes móveis com velocidades de transferência de 3 a 20 vezes superior à rede 3G”. Nos testes que efectuámos conseguimos alcançar velocidades de download de 40MB e upload de 20MB.

Com estas velocidades, as funcionalidades de um smartphone ganham uma nova dimensão. Para além de os vídeos carregarem instantaneamente, ser possível ver TV, utilizar serviços de streaming de música sem qualquer quebra e efectuar uploads de vídeos e fotografias directamente para serviços como o Youtube (ou serviços de cloud como o Vodafone Cloud), toda a experiência de utilização de um smartphone é melhorada. Desde a simples navegação no browser até ao refresh de feeds, twitter e facebook, tudo é mais rápido, mais fluído e a experiência é fantástica. Existe também a funcionalidade de criar um hotspot (um ponto de acesso WiFi), permitindo assim partilhar a ligação com outros dispositivos.

Uma das funcionalidades que até hoje não foi realmente adoptada pelos clientes é a Vídeo-Chamada. Sejamos francos, em 3G efectuar uma chamada de vídeo é um suplício. Será que com esta tecnologia vamos finalmente conseguir? A Vodafone acha que sim!

É importante referir que, mesmo utilizando a rede 4G, grande parte do dia a bateria deste HTC “aguentou-se” até ao fim do dia.

Depois de experimentar este HTC muito dificilmente iremos comprar um telefone que não permita utilizar 4G. Passou de um nice to have a um must have. Acreditem.

Aplicações fundamentais num dispositivo 4G:

SKYPE – Quem já experimentou efectuar vídeo-chamadas em 3G sabe que a experiência de utilização não é a melhor. Agora é que é!

TUNE IN RADIO PRO– A melhor aplicação para ouvir estações de rádio de todo o mundo. Sem paragens e sem custos.

VEETLE
/JUSTIN TV – Aplicações que permitem desfrutar de um conjunto de canais temáticos (cinema, desporto, etc) bem como efectuar streaming de vídeo directamente do telefone para a web.

YOUTUBE – Assistir a um qualquer vídeo instantaneamente. Acabou-se o buffering.

MUSICBOX /VODAFONE MUSIC – Os serviços de streaming/download de música funcionam em 3G mas em 4G acabam-se as quebras.

RTP /VODAFONE MOBILE TV – A televisão em todo o lado torna-se uma realidade.

DROPBOX /GOOGLE DRIVE /VODAFONE CLOUD – Para uma utilização mais inteligente da memória do dispositivo, a utilização de serviços de armazenamento na “nuvem” torna-se indispensável. Com altas velocidades de download/upload, todos os ficheiros estão sempre acessíveis. De realçar que ao efectuar login no Dropbox a partir deste dispositivo, têm um bónus de 3GB na vossa conta.

 

PRÓS

Performance
– Bateria
– Câmara
– Velocidade de transferência de dados
– Suporte para cartões SD

CONTRAS

Design
– Som
– Disponível apenas em branco

Quem estiver “no mercado” para adquirir um smartphone deverá ponderar quais as características fundamentais que procura. Se viver num local onde já exista uma boa cobertura 4G e a velocidade de transferência de dados é importante para as tarefas diárias, então nem pense duas vezes. Compre um telefone 4G. Se a velocidade não estiver no topo da vossa lista de prioridades ou se na maior parte do vosso dia utilizam uma ligação Wi-Fi, então o valor que terão que pagar pelo plano de dados 4G poderá não fazer sentido.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This