rdb_loungingspaceexd13_header

Lounging Space da EXD’13

Dedicado ao público

Num espaço dedicado ao público e comunicação social, constituindo o interface entre a Bienal e estes importantes actores, a última edição da ExperimentaDesign apresentou o Lounging Space, um espaço em permanente movimento.

Este é o lugar de confluência dos vários vectores da EXD’13, associando uma série de pontos de interesse vocacionados para os adeptos da Bienal do design. O Convento da Trindade foi o edifício eleito para ser a sua “cara”, possuindo espaços diversificados, nos vários pisos e compartimentos, direccionados tanto para o lazer, como para a cultura e formação, para além de ser o palco de exibição da exposição Identity, uma das nucleares desta edição.

Identity pretendeu ser um ponto de encontro e reflexão, até 22 de Dezembro, assente na forma de comunicação dos eventos dedicados ao design e sua identidade, com ligação ao “contexto urbano e cultura local”, exibindo mostras de vários países. A sua essência reflecte-se, também, na duração da exposição, uma vez que a mesma não se constitui como uma peça final, mas como um work-in-progress, que culmina em São Paulo, na EXD’14.

A par desta identidade expositiva, o espaço do Convento da Trindade “galga” paredes e “ganha” a rua, através da janela mediadora e dinâmica que constituiu a instalação EXD Window, desenvolvida por uma série de artistas, convidando os visitantes a entrar e descobrir o que este espaço tem para oferecer.

Os projectos expositivos são diversificados e com temas actuais que procuram instigar, também, no visitante um sentido reflexivo relativamente aos temas apresentados, como seja o de Viarco-Traços para o Futuro e “a forma como uma indústria supostamente obsoleta se reinventa ao abolir as fronteiras entre produção e criatividade”, traduzindo o signo da Bienal No Borders, assim como as peças de design da indústria de cutelarias Virtublack & Roots Solutions.

Aliar o tradicional ao contemporâneo, percebendo como o primeiro se pode reinventar, pela via do design, dando resposta às aspirações da sociedade actual, é o que se pode, igualmente, admirar no projecto Um Lugar Perto-Namoradeira, mostrando a reinvenção de um objecto peculiar que caiu em desuso, a “namoradeira”, ainda vivo no imaginário dos portugueses.

Alu 41, por seu lado, procura uma relação entre função, forma e estética, enquanto Mapas Precedentes retracta a necessidade da criação de referências e Lean On A dá a conhecer projectos académicos de designers promissores, finalistas da licenciatura em Design Industrial da ESBAL.

Complementando os espaços expositivos, o Lounging Space possui, ainda, um Serviço Educativo, como mediador entre o público e os conteúdos presentes na EXD’13, uma loja e uma cafetaria.

Inovação é sempre uma palavra com a qual a ExperiementaDesign é conotada e, assim, esta edição conta com a tela do cinema. Shooting Design constitui um ciclo dedicado ao mesmo que explora o tema do design, na sequência da Do You Mean Architecture, comissariada por Sofia Mourato.

E, para quem quis disfrutar de um espaço dinâmico, o Heineken Infinity Lounge, ofereceu uma programação variada, desde música, actuações, DJ’s Sessions e performances, a apresentações de projectos, aliada à peculiaridade de um espaço que, tal como o nome indica, produz uma sensação de infinito pela sua manipulação, através de um jogo de espelhos que o amplia.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This