Escola 4,5 A Batalha Final

Escola 4,5 – A Batalha Final

O leitor-juiz

Duas faces da mesma moeda: rapazes e raparigas numa luta igual, pelos altos e baixos do início da adolescência. De um lado Rafe, do outro Georgia, irmãos e adversários num despique onde quem decide é o leitor.

“Escola 4,5 – A Batalha Final” (Booksmile, 2014) é o mais recente volume da coleção “Escola” liderada por James Patterson, escrita com Julia Bergen. Os capítulos alternados dão voz ora a Rafe, ora à sua irmã mais nova Georgia, mostrando diferenças e contrastes entre as meninas e os meninos, entre quem gosta da escola e quem a  detesta, entre quem é o malcomportado e quem é o certinho, entre quem detesta os TPC e quem até os duplica.

Autor de policiais como Alex Cross, James Patterson é um dos escritores mais bem-sucedidos da atualidade, com várias coleções “bestseller” e presença constante no topo das listas dos livros mais vendidos em todo o mundo. As séries juvenis “Maximum Ride”, “Confissões de uma Suspeita de Assassínio”, “Escola” e “Eu Cómico” abriram-lhe um novo leque de leitores e seguidores, entre a gente mais jovem.

Na coleção “Escola”, o leitor é convidado a decidir entre as teorias e preferências de um e as manias e convicções de outro. Neste livro “A Batalha Final” fala-se de visitas de estudo, de idas à biblioteca escolar, de “bullying”, de guarda-roupa, de comida e amizades ou rivalidades. Num duelo de irmãos espelham-se traços das raparigas e rapazes que todos conhecemos, dando voz, espaço e mote para que os leitores participem, olhem para si próprios e respondam às questões, tomando parte das ideias de Rafe ou das de Georgia, ou então, mantendo-se em terreno neutro.

Ao longo de todo o livro há desafios a quem lê, há perguntas com linhas para responder, há ilustrações a preto e branco, à moda da banda-desenhada, da autoria de Alec Longstreth. Há ainda piadas como a disfarçar alguns assuntos mais sérios. No final da batalha, entre os manos desavindos, ouvem-se os dois lados da luta e procuram-se as tréguas. Porque ambos estiveram bem e merecem ganhar: assim, só tu poderás decidir!



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This