rdb_aloeblacc_header

Aloe Blacc

Aloe Vera está para a pele como Aloe Blacc está para a alma.

Regeneradora, curativa e revitalizante. Assim classifico a música de Aloe Blacc, ou melhor, Egbert Nathaniel Dawkins III.

É do conhecimento geral que o som possui propriedade terapêuticas e a música de Aloe Blacc é um poderoso estimulante a todos os níveis.

O multi-instrumentista, escritor e activista, de 29 anos, originário de Orange County – Califórnia – assume que a sua música é uma atitude social e política.

Desde 1995 que anda a fazer boa música. Começou como MC numa banda chamada Emanon mas os mais distraídos, como eu, só abriram a pestana quando a Stones Throw lançou o single – “I Need a Dollar” – do álbum “Good Things” (2010).

“Good Things” é uma nova etapa para Blacc e este projecto nasce das suas angústias perante a situação político-económica actual: a sobrevivência num universo onde o capitalismo impera e o consumismo corrompe.

A falta de compaixão, a futilidade e a plasticidade das relações humanas avança a passos, assustadoramente, largos.

(quase) Todos nós temos (in)consciência destes factores e de como nos afectam.

“I Need a Dollar” é prova musicada da sua mensagem e das dificuldades que (qualquer) um jovem (músico) tem que enfrentar:

(…) if I share with you my story would you share your dollar with me

Well i don’t know if i’m walking on solid ground

Cause everything around me is crumbling down

And all I want is for someone to help me (…)

Este caracter de intervenção e provocação está claramente presente em todo o alinhamento.  “You Make Me Smile” e “Miss Fortune” são, também, exemplo da reconstituição elegante do actual horizonte, rasgadas por metáforas e equívocos.

Consagra-se, assim, a nova expectativa de vicariar os intérpretes de todos os tempos e declarar que a Soul moderna está bem maturada e (ainda) com saúde… apesar de tudo!!!

Blacc harmoniza-nos com Soul, Funk, Hip-Hop, Ska, R&B … (ufa…) e subtilmente se estilhaça na multiplicidade dos géneros sem reduzir a sua identidade. É humilde, é cool, É! Podem constatar isso nos seus Take-Away Shows (ver links YouTube).

Haveria muito mais a dizer mas a música e atitude falam por si.

Aloe, “You make me smile” (in a very special way).



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This