Soulwax & 2manydj’s

O verdadeiro dois-em-um regressa a Portugal para espectáculos no Festival Bluespot e no Lux.

Os irmãos Stephen e David Dewaele, provenientes da Bélgica, são os mentores dos Soulwax e dos 2manydjs, duas presenças confirmadas na edição deste ano do Blue Spot – Festival de Música Electrónica, mas que descem também à capital para a (cumpli)Cidades #25 do Lux, a 10 de Dezembro.

Stephen e David são filhos de Zaki Dewaele, influente personalidade da rádio belga e um coleccionador de discos. Dele, além do sangue, dos genes e de estantes lotadas de vinil, eles herdaram uma saudável inquietude, do tipo agudo, em que não dá para ficar parado. O projecto inicial dos manos Dewaele dá pelo nome de Soulwax, agora com a companhia de Stefaan Van Leuven (baixo) e Steve Slingeneyer (bateria). Em 1995 lançaram o primeiro EP, de nome 2nd Handsome Blues, seguindo-se em 1996 o primeiro longa-duração, Leave The story Untold.

A explosão do projecto 2manydjs fez com que os Soulwax entrassem em marcha lenta a partir de então. Mesmo assim, Stephen e David conseguiram lançar o seu terceiro disco, Much Against Everyone’s Advice, o mais elogiado de todos. Graças a este registo, lançado em 1999, os Soulwax tornaram-se uma presença obrigatória em festivais por toda a Europa. Como Soulwax, assinaram remixes para artistas como Felix Da Housecat, Playgroup, Ladytron, DJ Shadow e Kyle Minogue. Já este ano, gravaram Any Minute Now, que conta com a produção de Flood (Smashing Pumpkins, U2, PJ Harvey, Nine Inch Nails) e mistura de Alan Moulder (Depeche Mode, Yeah Yeah Yeahs).

Os irmãos Deawele criaram entretanto os 2manydj’s exlusivamente para as sessões de DJing. O conceito musical do projecto é inspirado em Grandmaster Flash, que fazia música a partir de extractos de outras músicas, usando apenas dois pratos e uma mesa de mistura. A este conceito, já apelidado de bastard pop, os 2manydj’s aliam as novas tecnologias nas suas colagens.

No seu reportório contam com o álbum As Heard On Rádio Soulwax pt.2, caracterizado pelo cruzamento de vários estilos musicais. Quem já assistiu aos seus espectáculos ao vivo, sabe que não se pode esperar nada deles. Entre batidas mais calmas e guitarradas rock, tudo é válido para estes belgas, que passam desde Nirvana a Royksopp. A marcar na agenda, 10 de Dezembro no Lux.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This